quarta-feira, 14 de setembro de 2011

CNJ aponta eleição de Leila Lopes como reconhecimento do papel da mulher angolana


Luanda - O Conselho Nacional da Juventude (CNJ) apontou hoje, em Luanda, a eleição de Leila Lopes a Miss Universo 2011 como o reconhecimento inequívoco do papel da mulher angolana em prol do desenvolvimento do continente africano no que concerne na sua luta pela igualdade de género.
 Segundo o presidente do CNJ, Cláudio Aguiar, que falava hoje à Angop, tal como a Miss Universo, a juventude angolana deve acreditar cada vez mais nos seus sonhos e buscar práticas positivas com vista ao resgate dos valores morais cívicos na sociedade angolana.
 O responsável considera que o sentido de responsabilidade e humildade da actual Miss Angola, Leila Lopes, foram determinantes para a sua eleição como a mulher mais bonita do Mundo, tendo superado 98 candidatas no concurso Miss Universo.
 Cláudio Aguiar felicitou a direcção do Comité Miss Angola pela eleição da primeira mulher angolana a conquistar feito inédito e encorajou a Primeira-Dama da República, Ana Paula dos Santos, madrinha do comité, a prosseguir com estas acções que visam valorizar a mulher angolana nos mais variados domínios.
 O presidente do CNJ defendeu a necessidade de ser instituído no país o Dia da Beleza em homenagem a eleição de Leila Lopes.



Fonte : ANGOP

Nenhum comentário: