quinta-feira, 27 de outubro de 2011

seminário sobre o Ano Internacional das e dos Afrodescendentes

Em 2099, a Assembleia Geral das Nações Unidas instituiu 2011 como o Ano Internacional das e dos Afrodescendentes para reforçar a necessidade de fortalecer ações nacionais e internacionais para o enfrentamento ao racismo

Seminário sobre o Ano Internacional das e dos Afrodescendentes acontece hoje(27),  em Brasília e esta sendo realizado pelo IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), vai discutir o regime internacional de promoção da igualdade racial.
O seminário contará com a presença da coordenadora da Área de Direitos Econômicos da ONU Mulheres Brasil e Cone Sul, Ana Carolina Querino.
Ana Carolina Querino vai falar sobre as ações do Programa Regional de Gênero, Raça e Etnia e Pobreza para o enfrentamento das desigualdades provocadas pelo racismo e sexismo em quatro países da América Latina: Brasil, Bolívia, Guatemala e Paraguai.
Também participaram do debate o  ministro Silvio José Albuquerque e Silva, chefe da Divisão de Temas Sociais do Ministério das Relações Exteriores, e Magali Naves, chefe da Assessoria Internacional da SEPPIR (Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial). A moderação de debate ficará por conta de Fernanda Lira Goes, técnica do IPEA.
 
 
  
Seminário Brasil no Ano Internacional dos Afrodescendentes acontece  das 15h às 18h, no, IPEA (SBS - Quadra 1 -
Bloco J - Ed. BNDES) – Brasília/DF  


Fonte : UNIFEM

Nenhum comentário: