sábado, 30 de março de 2013

Vanessa Grazziotin toma posse como Procuradora da Mulher no Senado


Vanessa Grazziotin toma posse como Procuradora da Mulher no SenadoNo cargo, que ocupará até 2015, ela terá entre outras atribuições “zelar pelas políticas de gênero em discussão no Legislativo, bem como pela aplicação dessas políticas no âmbito do Senado Federal”
Estavam presentes senadoras e senadores de diferentes partidos políticos - Foto: Agência Senado
Tomou  posse nesta terça-feira (26) no cargo de Procuradora Especial da Mulher do Senado, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) disse que o órgão é um importante instrumento na luta pela emancipação feminina. A solenidade foi realizada na sala de audiências da Presidência da Casa.
Vanessa Grazziotin é a primeira a assumir a Procuradoria da Mulher, que foi criada no último dia 20, como parte do conjunto de medidas adotadas pelo presidente Renan Calheiros no sentido de mais transparência, eficiência e racionalização administrativa. A criação do órgão atendeu a um pedido da própria senadora.
No cargo, que ocupará até 2015, ela terá entre outras atribuições “zelar pelas políticas de gênero em discussão no Legislativo, bem como pela aplicação dessas políticas no âmbito do Senado Federal”.
Na opinião da senadora, o debate sobre os direitos das mulheres é prejudicado pela representação política desigual no Parlamento. Atualmente, observou a procuradora, apenas 10% das cadeiras do Senado são ocupadas por senadoras.
- A democracia também se mede pela participação da mulher. Não vamos debater entre nós mulheres, mas entre homens e mulheres porque juntos é que vamos superar os problemas – disse Vanessa Grazziotin, assinalando que a Procuradoria acompanhará programas governamentais para promoção de igualdade de gêneros, além de realizar campanhas educativas e anti-discriminatórias
- É um reconhecimento de que sem a efetiva participação feminina não chegaremos a lugar nenhum. Quanto mais as mulheres tiverem seus direitos garantidos, melhor será para todos - disse o parlamentar, que também elogiou toda a bancada feminina no Congresso, além da diretora-geral do Senado, Doris Peixoto, e da secretária-geral da Mesa, Claudia Lyra.
Mensagens para a ONU
Durante a cerimônia, foram entregues a representantes da ONU Mulher as mensagens afixadas no painel exposto no Senado em homenagem ao Dia Internacional da Mulher. No local, o público feminino que circulou pela Casa deixou bilhetes com suas expectativas e anseios, entre os quais se incluem a igualdade de gênero e a redução da violência doméstica.
Participaram da solenidade as ministras da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci, e do Planejamento, Miriam Belchior. Também estavam presentes senadoras e senadores de diferentes partidos políticos.

Fonte: CUT SP

Nenhum comentário: