segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Marleyse, estudante da Brasilândia, é escolhida 'top periferia' de SP


Depois de tomar calote dos organizadores de um concurso de beleza negra, em 2010, a estudante Marleyse Morais, 20, jurou que nunca mais competiria por coroa alguma.

Acabou mudando de ideia e, anteontem à noite, foi eleita a mais bela das "quebradas" paulistas em uma competição organizada pela Central Única das Favelas, a "Top Cufa Brasil 2012".

Zanone Fraissat /Folhapress
Marleyse Morais, ganhadora do Concurso miss moradora de favela, realizado na Casa das Caldeiras, em São Paulo
Marleyse Morais, ganhadora do Concurso miss moradora de favela, realizado na Casa das Caldeiras, em São Paulo
Moradora da Vila Brasilândia, na zona norte, a jovem de "quase" 1,71 m e rosto de boneca fez inscrição pelo Facebook e foi uma das 22 selecionadas entre 800 pleiteantes da capital, Grande São Paulo e litoral. Todas têm entre 18 e 22 anos e tiveram de informar o CEP para comprovar que vivem mesmo na periferia.
As escolhidas foram pegas em casa de manhã cedo e levadas de van à Casa das Caldeiras, na Água Branca, zona oeste, onde desfilaram primeiro de jeans e camiseta e, depois, de biquíni.

Na "fila A", jurados convidados como a cantora Sandra de Sá e o estilista Jum Nakao fizeram anotações em uma planilha que incluía charme e desenvoltura nos quesitos.

Com a bênção deles, Marleyse desbancou beldades como Laís Natália, 18, de São Miguel Paulista (zona leste), e Pamela Lino, 21, representante do Jardim Panorama, na região do Morumbi (zona oeste) --segunda e terceira colocadas, respectivamente.

Em setembro, a campeã da etapa irá ao Rio para a final do concurso, contra representantes de todos os Estados. A vencedora levará contrato com agência e book de fotos.

"Ralo muito para pagar as contas", desabafa Marleyse, que emenda noites de trabalho em baladas com dias sorrindo em estandes de feiras e eventos. Tudo de salto alto. É com esse aperto que consegue pagar o curso de biomedicina na Uninove.

Fontes : Folha de SP / Cood. Com. Negra 

Nenhum comentário: