quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Encontro de Formação Mulheres Tecendo a Rede da Democracia Participativa!




"Controle Social é a integração da sociedade com a administração pública, com a finalidade de solucionar problemas e as deficiências sociais com mais eficiência"  (desconhecido)
 

É um direito constitucional nosso, amparada/os pela carta maior que rege o Estado Democrático Brasileiro, apresentar as nossas demandas, monitorar as políticas públicas que queremos executadas e conhecer bem os nossos representantes.
Artigo 1º da Constituição Federal

Parágrafo único
TODO PODER EMANA DO POVO, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.

No dia primeiro de janeiro de 2013 inicia-se um novo período, quando o povo precisa exercer seu poder por meio de seus representantes, é neste momento que se inicia a participação importante do nosso grupo, que não pertence aos quadros partidários dos partidos políticos, e sim ao quadro social imenso que forma a sociedade civil, com autonomia política para bater palmas aos que proponham ações efetivas, para melhorar o quadro de decadência que vivemos com o aumento da desigualdade social e violência; ou criticar aqueles que querem ocupar o espaço do poder público apenas para, ter o orgulho de estar no “poder” e se beneficiar, beneficiar os seus, manipulando os recursos públicos de modo a repetir o mesmo comportamento que abominamos, desde os mais remotos tempos: a exploração do outro em beneficio próprio. 
Bem, nós que estamos dedicando um bom tempo das nossas vidas para contribuir com a organização do controle social não podemos esquecer: “As mulheres e todos os segmentos historicamente excluídos do poder, interessa, de maneira singular, pensar criticamente a realidade para construir novas hegemonias que lhes permitam, coletivamente, empoderar-se e sair da situação de desigualdade em que se encontram.” (Autor desconhecido, 2012).

Visualizando a necessidade de contínuo investimento e  fortalecimento do controle social por mulheres negras e de periferia, a Rede de Mulheres organiza com o apoio da CESE e em parceria com o ODARA, o Projeto "Mulheres  Tecendo a Rede da Democracia Participativa" com o objetivo de formar mulheres e lideranças das periferias, em conceitos importantes sobre democracia, controle social, políticas públicas, orçamento público e gestão pública. O Gambá (Grupo de Ambientalistas da Bahia), o CIAGS ( Centro de Interdiscilinar de Desenvolvimento e Gestão Social - UFBA), já são presenças confirmadas.  

Paz e poder ao povo!!! 

Um forte afroabraço a tod@s!!



 Fonte : 


Nenhum comentário: