segunda-feira, 1 de abril de 2013

Executiva do Facebook critica condição de trabalho das mulheres


Sheryl Sandberg, COO (Chief Operations Officer, ou chefe de operações) do Facebook, critica a condição atual das mulheres no mercado de trabalho, apontando que elas ocupam poucas posições de chefia nas empresas.

Reflete sobre os impasses e as questões de gênero no mundo do trabalho
Reflete sobre os impasses de gênero no mundo do trabalho
"As mulheres estão obtendo mais diplomas de graduação, de pós-graduação e entrando no mercado bem qualificadas", diz Sandberg. Entretanto, "mulheres ocupam só 18, 15, 20% dos cargos mais altos".
Segundo a executiva, autora de "Faça Acontecer", as mulheres são barradas pela falta de flexibilidade, pela falta de oportunidade e até mesmo pela postura feminina no ambiente corporativo. "Não assumimos a liderança, não levantamos nossas mãos, não deixamos nossas vozes serem altas o bastante".
Eleita pela revista "Forbes" como uma das dez mulheres mais poderosas do mundo, Sandberg se diz inconformada com o desenrolar das lutas por igualdade. "É hora de encarar o fato: nossa revolução empacou".
Abaixo, assista ao vídeo divulgado pela Companhia das Letras, editora responsável pela publicação de "Faça Acontecer" no Brasil.



Fonte: Folha São Paulo 

Nenhum comentário: