quinta-feira, 26 de abril de 2012

SPM promove mesa-redonda com trabalhadoras domésticas


Encontro vai abordou a realidade da profissão no País, que concentra mais de 7,2 milhões de pessoas - 8% da população economicamente ativa
Na véspera do Dia Nacional da Trabalhadora Doméstica, a Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR) promoveu encontro, nesta quinta-feira (26/4), sobre a situação das profissionais no Brasil. A mesa-redonda “Valorização das Trabalhadoras Domésticas e Ampliação de Direitos” aconteceu das 14h às 16h, no auditório da Secretaria, em Brasília. 
O evento vai reuniu as ministras Eleonora Menicucci, da SPM, e Luiza Bairros, da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir-PR); a presidenta da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad), Creuza Oliveira; e a coordenadora-geral do SOS - Instituto Feminista para a Democracia, Betânia Ávila.
No evento foi aguardado  representantes de organismos internacionais, órgãos do governo federal,  secretarias e coordenadorias de políticas para as mulheres, empresas e sindicatos.
Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o trabalho doméstico emprega 7,2 milhões de pessoas. Entre elas, 93% são mulheres e 61,6%, negras. A categoria corresponde a 17% da população feminina ocupada e 8% da população economicamente ativa. Um dos desafios é aumentar a cobertura previdenciária. Atualmente, apenas 26,3% possuem carteira assinada.



Fonte: SPM
 

Nenhum comentário: