segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Chega ao Brasil, a subsecretária-geral da ONU para assuntos humanitários

Subsecretária-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos visitará o Brasil nos dias 19 e 20 de agosto de 2013 para participar de eventos relacionados ao Dia Mundial da Ação Humanitária.
Subsecretária-geral para Assuntos Humanitários e coordenadora de Ajuda Humanitária das Nações Unidas, Valerie Amos, fala a jornalistas em fevereiro de 2012. Crédito da foto: ONU/JC McIlwaine.
A subsecretária-geral da ONU para Assuntos Humanitários, Valerie Amos, visitará o Brasil nos dias 19 e 20 de agosto de 2013 para participar de eventos relacionados ao Dia Mundial da Ação Humanitária. Amos também dirige o Escritório das Nações Unidas de Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA).
Este ano, o Dia Mundial da Ação Humanitária marca o décimo aniversário do ataque à sede das Nações Unidas em Bagdá, no Iraque, que matou 22 trabalhadores da ONU e de agências humanitárias, incluindo o enviado especial do secretário-geral da ONU para o Iraque, o brasileiro Sergio Vieira de Mello.
No dia 19 de agosto, Amos vai participar de uma série de eventos liderados pelo ministro das Relações Exteriores do Brasil, Antonio de Aguiar Patriota, para comemorar e celebrar o legado humanitário de Sergio Vieira de Mello e sensibilizar para questões humanitárias contemporâneas no Brasil.
No dia 20 de agosto, Amos visitará o Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB) para discutir o treinamento civil-militar humanitário. Ela também vai falar com os alunos e professores da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) sobre questões relacionadas aos desafios e às tendências atuais das questões humanitários internacionais.

O que é o OCHA

O Escritório das Nações Unidas de Coordenação de Assuntos Humanitários (OCHA) faz parte do Secretariado ONU e é responsável por reunir todos os atores humanitários para garantir uma resposta coerente em emergências. O OCHA garante a estrutura em que cada ator possa contribuir para o esforço global de resposta humanitária.
Sua missão é mobilizar e coordenar eficazmente a ação humanitária em parceria com atores nacionais e internacionais, para aliviar o sofrimento humano em desastres e emergências; defender os direitos das pessoas em necessidade; promover a prevenção de desastres e soluções sustentáveis aos mesmos.

Fonte: ONU / Imagens : ONU/Rick Bajornas); 

Nenhum comentário: