terça-feira, 6 de agosto de 2013

Correios abre inscrições para patrocínio de projetos culturais

Edital de Seleção de Patrocínio dos Correios tem recorte racial. Certame abrange projetos de Dança, Teatro, Artes Visuais, Humanidades, Audiovisual e Música. Inscrições vão até 19 de setembro no site www.correios.com.br
Correios abre inscrições para patrocínio de projetos culturais
Já estão abertas as inscrições para o Sistema Aberto de Seleção de Patrocínios dos Correios. A seleção abrange projetos dos seguintes segmentos: Artes Cênicas – Dança, Artes Cênicas – Teatro, Artes Visuais, Humanidades, Audiovisual e Música, com realização entre julho de 2014 e dezembro de 2015. Pessoas jurídicas interessadas tem até 19 de setembro para se inscrever no site da empresa www.correios.com.br.

Foram destinados R$ 35 milhões para a seleção — sendo 10% reservado para propostas de proponentes que se autodeclararem pretos e pardos, de acordo com definição do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. A medida é fruto de esforço intenso entre a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) e os Correios. 

A novidade deste processo de seleção é a total informatização. Todas as etapas são feitas digitalmente, sem necessidade de envio dos projetos em meio físico, visando a redução do uso de papel e a preservação do meio ambiente — na última seleção, os Correios receberam a inscrição de mais de 2 mil projetos. 

O resultado será divulgado em março de 2014 no Diário Oficial da União e no site dos Correios (www.correios.com.br). O edital completo e mais informações estão disponíveis em www.correios.com.br/patrocinio >> Publicidade e Patrocínio >> Patrocínio Cultural >> Área cultural.

Com o patrocínio, os Correios fortalecem e divulgam a cultura brasileira, cumprindo seu papel como empresa pública. A seleção de projetos é feita por meio de editais públicos desde 2004, dando transparência à destinação dos recursos por meio de regras e critérios claros e objetivos para análise e escolha das propostas, além de possibilitar o acesso democrático de produtores e grupos a patrocínios da estatal.

Com informações dos Correios. 
 

Nenhum comentário: