sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Irmandade de Nossa Senhora do Rosário é Atacada em Rede Social por Ex-prefeita de Ribeirão das Neves em Minas Gerais

Por Mônica Aguiar

A Irmandade de Nossa Senhora
do Rosário expressa em nota,
repúdio por sofrer racismo e 
intolerância religiosa por parte
de uma ex-prefeita de Ribeirão 
das Neves/MG.


A Irmandade de Nossa Senhora do Rosário , comunidade Quilombola e congadeira, centenária há 128 anos em Ribeirão das Neves cidade metropolitana de Minas Gerais, tornou publico em nota, seu completo repúdio aos crimes de racismo, intolerância religiosa praticados pela ex-prefeita e ex-vereadora de Ribeirão das Neves/MG, Gracinha Barbosa por meio da rede social “Facebook”.

O fato ocorreu na manhã do ultimo dia 21, assim que um candidato a prefeito da cidade deu publicidade nas redes sociais de sua visita à comunidade Nossa Senhora do Rosário que estava paramentada.

Não perdendo tempo,  a ex.prefeita que é esposa e coordenadora de campanha de também  um candidato a prefeito pelo PMDB nestas eleições, compartilhou em rede social a foto referindo o seguinte comentário:


“Gente estou adoecendo, orem por mim, o cantor (o candidato) tá na macumba, misericórdia, a coordenadora (de campanha) sou eu, mas me ajuda aí.”

Depois de questionada por inúmeras pessoas indignadas ao ler o teor racista, preconceituoso e discriminatório do comentário pejorativo publicado, a ex-prefeita teve a coragem de dar resposta aos comentários de forma injuriosa e difamatória sobre a centenária Irmandade do Rosário. 
Comentários extremamente ultrajantes, que a direção da Comunidade não quis reproduzidos.

Supondo que a ex-prefeita apagaria as publicações das redes sociais diante da já manifestadas indignações pública, as dirigentes da Irmandade recolheu devidamente as publicações pois pretendem fazer denuncia formal, o mais breve possível aos órgãos competentes. Além de estar encaminhando a nota à varias instituições do movimento.

Na nota a Comunidade informa que não esta apoiando oficialmente nenhum candidato, que todos os candidatos a prefeito,  foram convidados a visitar a comunidade e apresentar suas propostas para a cultura e cidade.

Este é um movimento político, realizado em todas as eleições por parte da instituição, de acordo com a Nota, é conhecido na região, por abrir espaço para todos e todas cumprindo com a prerrogativa democrática, já que os membros da comunidade também necessitam conhecer bem as propostas políticas dos candidatos. Além do exercício de cidadania e ensinamento do esclarecimento político como direito de todas e todos.


Trechos da Nota

.................Mediante tal comentário injurioso e difamatório de nossa ex-prefeita nos cabe esclarecer primeiramente que nossa religião é católica e que nós não “adoecemos” ninguém, muito ao contrário, em todas as nossas práticas rezamos sempre a Deus e a Nossa Senhora do Rosário pedindo paz, saúde e bênçãos, sem nenhum tipo de distinção social, para todos em nossa comunidade, estado e país. Estarrece-nos absolutamente que alguém que já tenha exercido um cargo publico tão importante para a nossa cidade e que esteja agora diretamente envolvida no atual pleito eleitoral manifeste publicamente tanta ignorância, obscurantismo e preconceito sobre a nossa Irmandade do Rosário. Uma comunidade cristã tradicional que é nacionalmente reconhecida por sua importância histórica e cultural. A menção no post referente à “macumba”, vale esclarecer, foi intencionalmente usada para referir-se pejorativamente as nossas seculares práticas culturais, impregnadas que são pela riquíssima história da ancestralidade afro-brasileira. Uma vez que é pública e notória a conotação negativa que esta palavra adquiriu coloquialmente no Brasil nas últimas décadas como resultado das inúmeras ações de racismo e intolerância religiosa praticadas por diversos segmentos da sociedade brasileira, especialmente contra os praticantes do Candomblé, da Umbanda e das demais religiões de matriz Africana, que, como é sabido, tampouco têm e jamais tiveram em seus fundamentos religiosos tradicionais o propósito de adoecer ou causar mal algum a qualquer individuo. Como já havia ocorrido recentemente com outras Irmandades Católicas tradicionais do nosso estado, infelizmente desta vez a nossa querida Irmandade do Rosário de Justinópolis é que foi a vitima do racismo e da intolerância religiosa que tanto envenenam a nossa sociedade na atualidade. A Constituição da República Federativa do Brasil no seu artigo 5º diz: Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, .....




Fotos Regina Coelho - Irmandade de Nossa Senhora do Rosário
Fonte : Rosane Almeida -  Irmandade de Nossa Senhora do Rosário


4 comentários:

Jose Fernando Oliveira disse...

Boa noite coloco aqui meu profundo respeito e indignação por essa excelentíssima senhora ex-prefeita de Ribeirão das Neves em 1º lugar quero ensina-la que "macumba" é um instrumento musical o que me deixa decepcionado em saber que essa excelentíssima senhora foi prefeita com esse grau de sabedoria tamanha e informa-la que hoje em nosso maravilhoso pais de TUPINIQUINS somos cientes que nossas raças provem dos nossos irmãos afros e dentro das nossas leis racismo e intolerância religiosa hoje em dia já é considerado crime.
Sou branco e tenho muito orgulho de ter nascido em uma família afro-brasileira.

Maryah Nogueira disse...

A toda cheia de graça (só que não), ataca novamente....
Desta vez disseminando ódio,preconceito ao próximo.
O pouco de Cultura q resta ao município,ao invés de ser respeitada é atacada de forma preconceituosa somente p ganhar uns cliques...de trouxas q esqueceram os milhões q essa picareta roubou do município...

Vamos respeitar à religião do próximo...o mundo precisa de amor e paz...

Religião NÃO DEFINE O CARÁTER DE NINGUÉM.

#NãoAIntolerânciaReligiosa

Marcos Figueiredo disse...

Pessoas como essa senhora são dignas de pena. Que Deus tenha misericordia desta criatura.

SERTANEJO BOM DEMAIS disse...

Tem muita gente na internet se referindo a eles como macumbeiros! Tenho print de várias pessoas. Se precisarem par qqer processo tenho aqui e cedo pelo simples prazer de ter colaborado com a justiça!