segunda-feira, 27 de outubro de 2014

MULHERES TEM PAPEL FUNDAMENTAL NA REELEIÇÃO DE DILMA ROUSSEF !

por Mônica Aguiar 


Em uma das eleições mais difíceis da história, a Presidenta Dilma Rousseff, foi reeleita com  mais de 50% ou seja (54.499.901 votos)  dos votos válidos no Brasil .
Dilma Rousseff é reeleita presidenta do BrasilAs pesquisas indicaram empate técnico entre Aécio e Dilma, com o tucano numericamente à frente. Na última semana, uma nova virada nos números. Dilma começou a crescer e passou Aécio. 
 A tensão durou até as 20h (no horário de Brasília), quando o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) liberou os resultados, já com mais de 93% das urnas apuradas. As três horas de demora em relação ao fim da eleição nos Estados com horário de verão, se deveu, ao fuso horário no Acre – três horas atrás de Brasília.

As eleições presidenciais  foi marcada por agressões verbais, discriminações  e desrespeito realizado pelo candidato derrotado do PSDB e seus aliados aos apoiadores de Dilma e a própria Presidenta. 

Várias pessoas  ligadas ao Aécio Neves  discriminaram nordestinos nas redes sociais com mensagens de ódio e preconceito, assim que ouviram a afirmação do sociólogo Fernando Henrique Cardoso ex-presidente do Brasil do PSDB,  que o PT estava  fincado nos menos informados, por que coincide de serem os mais pobres”, referindo-se à distribuição dos votos de PT e PSDB não só no primeiro turno mas também nas eleições de 2010 (Dilma vitoriosa) e 2006 (reeleição de Lula). Até aqui, o PT obteve melhor votação no Norte e no Nordeste; o PSDB, no Sudeste".
“O PT está fincado nos menos informados, que coincide de ser os mais pobres. Não é porque são pobres que apoiam o PT, é porque são menos informados. Essa caminhada do PT dos centros urbanos para os grotões é um sinal preocupante do ponto de vista do PT porque é um sinal de perda de seiva ele estar apoiado em setores da sociedade que são, sobretudo, menos informados” afirma Fernando Henrique Cardoso".

Apos esta firmação, não somente os petistas mas, milhares de militantes dos movimentos sociais se indignaram. Não tenho dúvidas que  tal afirmação é a prova do elitismo e do preconceito tucano, quando insulta aos nordestinos e aos pobres brasileiros, desrespeita um povo que contribuem significativamente com crescimento do Brasil .

Os  tucanos, além de promover a discriminação e preconceito, reafirmaram após reação desta militância social, que estavam sendo injustiçados e que a afirmação de FHC estaria sendo deturpada, passando a afirmar deste então que é o PT, e não o PSDB, seria o promotor da divisão preconceituosa do eleitorado. 

Mas outra prova do nível de discriminação, violência e machismo promovida pelo candidato derrotado do PSDB  no segundo turno, foi durante um dos debate das TVs brasileira. Aécio chama a Presidenta e candidata a reeleição de leviana e mentirosa  na sua contra argumentação. 

O tom de voz, o olhar de ódio e a referencia dada as mulheres ao denomina-las apenas como donas de casa e aos homens de trabalhadores  foi objeto de observação principalmente do eleitorado feminino, que é  maioria do eleitorado brasileiro e que soma uma grande força de trabalhadores no Brasil. Sendo milhares destas mulheres são chefes de família, responsável pelo sustento dos filhos até do companheiro e vem ocupando ao longo dos investimentos realizados pelo  Governo de Dilma Roussef espaços em setores  no mercado de trabalho que até pouco tempo era privilegio apenas dos homens.

Dilma ganhou em Alagoas (62,12%),  Amapá (61,45%), Amazonas (64,78%), Bahia (70%), Ceará (76,74%), Maranhão (78,75%), Minas Gerais (52,41), Pará (57,36%), Paraíba (64,26%), Pernambuco (70,20%), Piauí (78,28%), Rio de Janeiro (54,94%) , Rio Grande do Norte (69,96%), Sergipe (67,01%) e Tocantins (59,48%).

Em Minas Gerais, em seu Estado natal, Aécio perdeu para Dilma (52,4% a 47,6%). Só que no começo da atual corrida presidencial, o que todos ouvíamos dos tucanos era que o candidato Aécio Neves iria destroçar qualquer adversário em solo mineiro. Aécio também teve a ousadia de realizar  durante sua campanha eleitoral  nacional,  tendo como pano de fundo a excelente gestão tucana em Minas Gerais. Esta Afirmação não verdadeira, aflorou a movimentação de várias categorias do funcionalismo publico em Minas gerais , sem ser militantes petitas , cidadães e cidadãs foram para ruas e para redes sociais  denunciar o abandono em Minas na : educação,  saúde e Polícia Civil com slogan ,“quem conhece Aécio não vota em Aécio”, Lembrando que estas três categorias são as maires em MG .

Assim que é divulgado o resultado eleitoral, o candidato derrotado a Presidência do PSDB, em coletiva afirma que " considero que a maior de todas as prioridades deve ser unir o Brasil em torno de um projeto honrado e que dignifique a todos os brasileiros".

Bom,  Aécio na sua trajetória politica vem demostrando que não sabe o verdadeiro significado de honra e  respeito com as pessoas para além dos  que estão fora do seu círculo de amigos íntimos. 

Nenhum comentário: